Roseane

A única foto da fazenda de "Roseane"

Essa película fez tanto sucesso na época, que foi exibido, e aplaudido de pé, durante três dias seguidos no CEC (Centro de Estudos Cinematográficos), situado à Rua Curitiba, exatamente onde era o antigo cinema Arte Palácio.

Segundo Mário, foi formada uma fila que ia da Rua Curitiba até a Rua São Paulo e outra que ia da Rua Curitiba à Rua Tupinambás, fechando-se, assim, o quarteirão.

Um jovem delinquente de uma grande cidade, comete um crime e, não tendo onde se esconder, segue para uma linda fazenda nos arredores da capital. Lá chegando, conhece o proprietário do local que contrata-o para trabalhar na fazenda, onde todas as ordens eram rigidamente impostas pelo capataz, que não se dava muito bem com o rapaz.

Após algum tempo de árduo trabalho, surge Roseane, a filha do proprietário, que lhe desperta uma enorme paixão. A garota corresponde e eles ambos se amam intensamente.

Como nada é perfeito, os encontros eram ocultos e ninguém poderia saber, pois o capataz também amava Roseane e tinha o jovem protagonista como um grande rival.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *