SATED/MG – Dicas valiosas para quem quer se tornar um artista

Zé Cabral entrevista Magdalena Rodrigues, presidente do SATED/MG, que dá dicas valiosíssimas para quem quer seguir carreira artística.

Contate o SATED/MG:

Rua da Bahia, 1.148 / Sala 1.910 – Edifício Maleta – Belo Horizonte.
De segunda à sexta de 12h00 às 18h00 – Tel: (31) 3224-4743
http://www.satedmg.org.br

Lei 6.533, de maio de 1978.
Dispõe sobre a regulamentação das profissões de Artistas e de
técnico em Espetáculos de Diversões, e dá outras providências.
Disponível em http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l6533.htm

Conheça mais sobre o cineasta Mário Gomes em http://www.mariocineasta.com.br/

Zé Cabral e os 238 anos da PMMG

“Chegou a hora de apagar a velinhas, vamos cantar, aquela musiquinhaaaaaa…”

Olá, pessoal! Venho compartilhar uma cobertura que fiz da festa de 238 anos da minha querida Polícia Militar de Minas Gerais.

A PMMG sempre me apoiou e eu não poderia deixar de homenageá-la. Além de mostrar um pouquinho do evento, ainda me encontrei com o Major Gilmar Luciano, assessor de Imprensa da PMMG, e com o Jornalista Alexandre França, amigo de longa data. Meu personagem, o Zé Cabral, entregou uma rapadura de presente.

Chega de texto, vamos à ação:

Ps.: peço perdão pelo áudio, mas o Júlio Sardinha, que é fera no assunto, não pôde ir comigo no dia da entrevista. Então tive que improvisar.

Zé Cabral e o Cruz Azul

Pois bem, pessoal. Meu personagem, o Zé Cabral, continua ativo e buscando novidades para vocês. O time Cruz Azul, de Contagem, completou 33 anos e eu não poderia deixar essa comemoração em branco. Desde a época que rodei o filme “Daniel, o Pequeno Craque” tenho imenso carinho por eles.

Chega de papo e vamos à reportagem (não deixe de selecionar a qualidade 1080p, pois o vídeo está ótimo):

Abaixo, meus mais sinceros e calorosos agradecimentos à diretoria da Sociedade Esportiva Cruz Azul:

Presidente – José de Alencar Caproni
Vice-presidente – Leceinioer Pereira da Silva
Diretor de Esportes – José Gonzaga dos Santos
Diretor Administrativo – Cantionílio Paulo da Cruz
Secretária – Elizana Aparecida Fagundes
Tesoureira – Maria de Fátima Fagundes
Diretor de RP e Comunicação – Jorge Guimarães
Diretor Financeiro – Everton Fernandes Caproni
Diretor de Patrimônio – Elizeu Crispim Fernandes

E, também a todos os jogadores e torcedores desse time guerreiro.

Além de tudo, ainda agradeço ao Caproni pelas belas palavras abaixo:

“O presidente, José de Alencar Caproni, como toda a diretoria do Cruz Azul, agradecem ao Sr. Mário Gomes e toda sua equipe, pelo brilhante trabalho prestado à sociedade brasileira, em especial a mineira, perpetuado pelos muitos anos de uma fantástica e ímpar carreira artística por ele apresentada. Seus personagens mantém viva a nobreza da da arte de alegrar o povo e manter acesa a tão sacrificada cultura da imagem do cinema, do vídeo e do entretenimento nos dias atuais.

O modesto Cruz Azul, passa a partir de agora, também a fazer parte dessa rica história, em pleno esplendor de seus 33 anos comemorados em 08 de dezembro de 2012.

O simpático personagem do ZÉ CABRAL, coloca o Cruz Azul no mundo dos vídeos pela internet. Nós dirigentes, amigos, colaboradores, torcedores, ex-atletas e atuais atletas, ficamos lisonjeados com a homenagem prestada à nossa simples entidade. Com todo carinho e profunda consideração, afirmamos ao amigo, companheiro, Mário Gomes, sentímo-nos honrados e agradecidos pelos seus feitos e o carinho demonstrado para conosco. Muito obrigado de coração da família Cruz Azul.

Palavra do presidente.”

Fotografia, Filmagem e Edição
Júlio Sardinha
http://www.juliosardinha.com.br

Criação e Direção
Mário M. F. Gomes
http://www.mariocineasta.com.br

GALERIA DE FOTOS

Mário! Que Mário?

Nosso cineasta apresentou sua obra e vida no Espaço do Saber, em Contagem-MG, durante o mês de agosto.

Foram fotos, vídeos e até um pocket show (no dia 26/08) com seu amigo Tadeu Rodrigues Machado, o palhaço Batatinha.

Coloco aqui o primeiro vídeo (video removido mediante pedido da Sra. Noemia R. de Andrade. Em respeito aos amigos e fãs de Mário Gomes, copio o e-mail com a solicitação logo ao final do post. Pedimos perdão pelo inconveniente, Noemia, mas você se dispôs a gravar o depoimento com imensa amabilidade e também sabia que iria para a internet. Mesmo assim, mais uma vez, perdão 🙂 ) e o link para a matéria do jornal O Tempo.


De: Noemia Andrade
Assunto: Sobre o Sr. Mário
Data: 17 de novembro de 2011 11:48:22 BRST

Prezado Júlio,

Nos encontramos no evento do Sr. Mário – Mário, que Mário? no Espaço do Saber. Você postou no site o vídeo contendo meu depoimento sobre o artista. Solicito a retirada do mesmo já que o Espaço do Saber é um órgão público e não se obriga a dar depoimentos sobre o trabalho de qualquer artista, precavendo-se assim de se ver obrigada a divulgar algo que não corresponda à opinião do coletivo que representamos. Como não houve contrato escrito e assinado, esta é apenas uma solicitação que espero ver considerada e atendida o mais breve possível.

Agradeço e conto com sua compreensão.

Noemia Rosana de Andrade
Assessora Cultural do Espaço do Saber


Matérias no Jornal Regional Contagem

Gostaríamos de agradecer ao Jornal Regional Contagem pela matéria sobre Mário, que foi dividida em duas partes.

As edições podem ser conferidas, na íntegra, através dos links abaixo:

Ano XIV – Nº 173 – 18 a 25 de Março de 2011 –> (matéria na página 07)

Ano XIV – Nº 174 – 31 de Março a 8 de Abril de 2011 –> (matéria na página 08)

Talentoso Mineiro

“Mário Gomes, o roteiro da vida de um talentoso mineiro”

Esse é o título da matéria sobre a trajetória profissional de Mário publicada no jornal O TEMPO em 30 de novembro de 2010 por Michael Eudes.

Velório termina em festa

Mário Gomes quase é enterrado vivo!

Mário Gomes quase foi enterrado vivo no Tancredão no dia 12 de novembro de 2010.

Confira a reportagem impressa no DOM da Prefeitura de BH:

COMEMORAÇÃO AO MÊS DA TERCEIRA IDADE REVELA TALENTOS NA REGIONAL PAMPULHA

Um velório que terminou em festa. De repente, o morto que já estava recebendo a encomendação da alma se levanta do caixão e todos que estavam de luto trocaram as lágrimas por sorrisos para comemorar o recomeço da vida do quase defunto. Essa história faz parte da peça “A ressurreição de Zé Cabral”, encenada pelo Movimento de Luta Pró-Idoso, um dos momentos marcantes do show de talentos dos idosos, realizado no Centro de Referência da Pessoa Idosa (avenida Dom Pedro II, 3250, Caiçara), com a participação das regionais Pampulha e Centro-sul, em comemoração ao mês da terceira idade.

O grupo Unidos Venceremos, do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Novo Ouro Preto, na região da Pampulha, utilizou uma área ao lado do palco para exibir saias bem coloridas durante a primeira apresentação de danças típicas. Quem estava interessado em dar boas gargalhadas se sentiu à vontade durante a contação de “causos” por Eloi Paraibano, que divertiu a plateia com piadas e prestou uma homenagem às mulheres, com um poema.

Os versos de Paraibano deram início à sequência de poesias declamadas pelas participantes do Grupo Reviver e os textos que elas mesmas criaram. Em cada um deles, as marcas do que elas viveram e críticas ao preconceito racial. Em seguida, as senhoras que participam do “Alegria de Viver” incrementaram as coreografias usando instrumentos como peneiras e bastões. Para encerrar o evento, o grupo de dança do ventre Fios Dourados, do Parque Fazenda Lagoa do Nado, animou a plateia, que também se emocionou ao som de músicas portuguesas.

As comemorações pelo mês da terceira idade na Regional Pampulha, promovidas pela Gerência Regional de Políticas Sociais, tiveram início com a exibição de filmes no dia 2 de outubro. Os participantes também puderam conferir apresentação de circo, visita ao Aquário Temático da Bacia do Rio São Francisco, na Fundação Zoobotânica. Ainda está previsto para o dia 24 deste mês, o encontro do Idoso na Pampulha, com palestras sobre saúde, beleza e cidadania, além do passeio no Parque das Mangabeiras, dia 3 de dezembro.

VÍDEO DA PEÇA

AGRADECIMENTOS E ELENCO

Carlão = Presidente – MLPI ( Prestou total apoio ao evento)
Marizete = Vice Presidente – MLPI
Antônio = Presidente do Conselho – MLPI
Solange = Tesoureira – MLPI
Lenice = Diretora Cultural – MLPI
Antônio Zico = Diretor Cultural – MLPI
Marília = Primavida
Serafina = Redatora
Maria da Dores = MLPI
Alice = Primavida
Salim = MLPI
Mareisa = Figurante
Tenente Coronel Fausto Campedeli Filho = Padre
Mário Gomes = Zé Cabral
Coronel Valter Lucas

GALERIA DE FOTOS

A Itatiaia recebe presente de Zé Cabral

O vídeo acima mostra o cineasta Mario Maria Fernandes Gomes em cena junto com o diretor presidente da rádio Itatiaia, num momento histórico: o cineasta lhe entrega, de presente, cenas históricas filmadas durante uma das primeiras apresentações do troféu Guará (as imagens revivem um momento de encontro entre os diretores da rádio, família Carneiro, Wilson Piazza, e outras personalidades).

Eis a mágia do cinema e da fotografia: “o retorno do morto”, como disse Roland Barthes. Este filme, capturado pelas lentes cinematográficas de Mário Gomes bem que mereciam uma reprodução digital, edição, e divulgação pois a história é feita pelos humanos e para os humanos.

Mário Gomes, em seus 80 anos, está no abandono de uma sociedade imediatista, que só pensa no agora, o sucesso é instantâneo. Assim como tantos outros sonhadores da sétima arte, Mario Gomes fez seus filmes com os próprios recursos financeiros, contando com amigos, sem investimento em tecnologia e marketing.

Convido os jovens pesquisadores e estudiosos da civilização da imagem, que é recente, a investigar esta produção, hoje em quatro telas, sem omitir as teias e os links virtuais do passado. Muitos Fellinis, Humbertos Mauro, Glauberes Rocha e Nelsons Pereira podem despontar agora, em tempos de multimídia, democracia virtual.

E, em especial, deixo um apelo ao herdeiro do sistema Itatiaia de Comunicação, que avança também pela internet com a multimídia: acredite no “re-começar” e promova nosso cineasta com o carinho, que só o rádio tem, de falar ao “pé de ouvido”, ele é modelo a se seguir por muitos outros cidadãos que o tempo veloz da publicidade e do capitalismo selvagem, esqueceu de lembrar.

O mundo muda a cada segundo, e nós também. Acredito no ser humano, na solidariedade e no amor como atitudes que poderão salvar nosso planeta terra do pior, antes que o astro rei se apague.